Comparative studies in economic crime: old behaviours, new challenges

Autores

  • Pery Francisco Assis Shikida Unioeste

Palavras-chave:

Cost-benefit relationship. Rational.ity. Criminality

Resumo

In consideration to the theoretical approach on the economics of crime, our study aims to contribute to the understanding of crime based on primary data obtained through the application of questionnaires/interviews with convicted people, who committed economic crimes (drug trafficking, robbery, among others). This empirical evidence was obtained from three different pieces of research: 1st) of convicted people in penal establishments in Paraná and Rio Grande do Sul; 2nd) of convicted people in the scope of the 4th Federal Court of Foz do Iguaçu (Paraná), whose criminal sentences have been replaced by community service or pecuniary sanctions; 3rd) of jailed women in the Rio Branco Women’s Prison (Acre). As a result, for a significant percentage of the 670 people surveyed in the three pieces of research, the economic returns were, on average, higher than the costs of crime, meaning that crime is worth it.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

AMARAL, Josineide A. da S. Determinantes da entrada das mulheres no tráfico de drogas: um estudo para o Acre (Brasil). 2019. 148 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio) – Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2019.

ARAUJO JUNIOR, Ari F. de; FAJNZYLBER, Pablo. Crime e economia: um estudo das microrregiões mineiras. Revista Econômica do Nordeste, Fortaleza, v. 31, n. especial, p. 630-659, nov. 2000.

BECKER, Gary S. Crime and punishment: an economic approach. Journal of Political Economy, Chicago, v. 76, n. 2, p. 169-217, 1968.

BORILLI, Salete P. Análise das circunstâncias econômicas da prática criminosa no Estado do Paraná: estudo de caso nas penitenciárias Estadual, Central e Feminina de Piraquara. 2005. 154 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio), Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2005.

BORILLI, Salete P.; SHIKIDA, Pery F. A. Breves notas sobre a criminalidade: custo, papel das organizações e a questão feminina. Revista Desafio, Campo Grande (MS), v. 10, n. 20, p. 97-113, jan./abr., 2009.

BORILLI, Salete P.; SHIKIDA, Pery F. A. Crime econômico no Paraná: um estudo de caso. Análise Econômica, Porto Alegre, ano 24, n. 46, p. 123-143, set., 2006.

BORILLI, Salete P.; SHIKIDA, Pery F. A. Economia e crime: um estudo exploratório na Penitenciária Industrial de Guarapuava e Cadeia Pública de Foz do Iguaçu (PR). Revista Econômica do Nordeste, Fortaleza (CE), v. 34, n. 2, p. 328-346, abr./jun. 2003.

BRENNER, Geraldo. A racionalidade econômica do comportamento criminoso perante a ação de incentivos. 2001. Tese (Doutorado em Economia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2001.

CERQUEIRA, Daniel R. de C. Causas e consequências do crime no Brasil. 2010. 168 f. Tese (Doutorado em Economia) – Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, 2010.

CONSELHO NACIONAL DE POLÍTICA CRIMINAL E PENITENCIÁRIA (CNPCP). Plano Nacional de Política Criminal e Penitenciária (2020-2023), Brasília, Distrito Federal, 2019. 123 p.

ENGEL, Lourdes E. F.; SHIKIDA, Pery F. A. Um estudo de caso sobre o perfil socioeconômico de migrantes rurais que praticaram crimes de natureza econômica. Cadernos de Economia, Chapecó (SC), ano 7, n.13, p.83-113, jul./dez. 2003.

FRAGOSO, Heleno C. Direito penal econômico e direito penal dos negócios. Revista de Direito Penal e Criminologia, n. 39, p. 122-129, 1982.

GIL, Antônio C. Técnicas de pesquisa em economia e elaboração de monografias. 1. ed. São Paulo: Atlas. 2000.

NICKEL, Helena. Análise da execução penal envolvendo crimes econômicos no Paraná cuja pena privativa de liberdade foi substituída por prestação de serviços e/ou pecuniária. 2019. 113 f. Dissertação (Mestrado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio) – Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2019.

OLIVEIRA, Cristiano A. de Ensaios em economia do crime: dissuasão, armas e carreira criminosa. 2011. 86 f. Tese (Doutorado em Economia) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre. 2011.

SCHAEFER, Gilberto J.; SHIKIDA, Pery F. A. Economia do crime: elementos teóricos e evidências empíricas. Análise Econômica, Porto Alegre, ano 19, n. 36, p. 195-217, set., 2001.

SCHLEMPER, Alexandre L. Economia do crime: uma análise para jovens criminosos no Paraná e Rio Grande do Sul. 2018. 164 f. Tese (Doutorado em Desenvolvimento Regional e Agronegócio) – Universidade Estadual do Oeste do Paraná, Toledo, 2018.

SHIKIDA, Pery F. A. Considerações sobre a Economia do Crime no Brasil: um sumário de 10 anos de pesquisa. Revista de Análise Econômica do Direito/Economic Analysis of Law Review, v. 1, n. 2, p. 318-336, jul./dez., 2010.

SHIKIDA, Pery F. A. Economia do crime: teoria e evidências empíricas a partir de um estudo de caso na Penitenciária Estadual de Piraquara (PR). Revista de Economia e Administração, São Paulo (SP), v. 4, n. 3, p. 315-342, jul./set. 2005.

SHIKIDA, Pery F. A. Uma análise da economia do crime em estabelecimentos penais paranaenses e gaúchos: o crime compensa? Revista Brasileira de Execução Penal (no prelo para 2020).

SHIKIDA, Pery F. A.; ARAUJO JR., Ari F.; SHIKIDA, Cláudio D.; BORILLI, Salete P. Determinantes do comportamento criminoso: um estudo econométrico nas Penitenciárias Central, Estadual e Feminina de Piraquara (Paraná). Pesquisa & Debate, São Paulo (SP), v. 17, n. 1(29), p. 125-148, 2006.

SHIKIDA, Pery F. A.; GONÇALVES JÚNIOR, Carlos A.; CARDOSO, Bárbara F. Reincidência penal: uma análise a partir da “economia do crime” para subsidiar decisões judiciais. Revista Publicatio Ciências Sociais, Ponta Grossa, v. 22, n. 1, p. 41-51, jan./jun., 2014.

YIN, Robert K. Estudo de caso: planejamento e métodos. 2 ed. Porto Alegre: Bookman. 2001.

Publicado

2021-04-08

Como Citar

Shikida, P. F. A. (2021). Comparative studies in economic crime: old behaviours, new challenges. REVISTA BRASILEIRA DE EXECUÇÃO PENAL - RBEP, 2(1), 257-269. Recuperado de http://rbepdepen.depen.gov.br/index.php/RBEP/article/view/327